Mercado exige novos sistemas de gerenciamento de Compras

O momento é de mudanças nas relações das empresas com sua rede de fornecedores. Sempre que há uma instabilidade no mercado, para se tornarem mais competitivas, as organizações buscam através da área de Compras alternativas para a redução de custos. Isso acaba “gerando automaticamente o aumento da demanda de compradores mais preparados e com perfis estratégicos para a realização de negociação”, diz Paula Meneghin, Strategic Sourcing Procurement da IBM Brasil.

Ao mesmo tempo, na opinião da executiva, há uma maior valorização da ética e da transparência nessa parceria. A tendência hoje, nas empresas, segundo ela, é criar novos sistemas de gerenciamento nas métricas dos seus negócios junto à base de fornecedores.

Leiam a seguir a entrevista concedida pela Strategic Sourcing Procurement da IBM Brasil.

CostDrivers – As relações com os fornecedores estão mudando? Quais as tendências nessa área?

Paula Meneghin – Estão cada vez mais transparentes e éticas, com resultados satisfatórios tanto para a empresa como para o fornecedor. Em função disso, a tendência que se observa hoje nas empresas é a criação de sistemas de gerenciamento nas métricas estabelecidas em seus negócios onde a maior preocupação é manter parcerias que possuam os mesmos valores de sustentabilidade, diversidade e integridade na qual o comprador está inserido.  

CostDrivers – A crise política e econômica do Brasil criou um novo tipo de profissional de Compras. Qual o perfil desse profissional?

Paula Meneghin – Sempre que há uma instabilidade no mercado, de um modo geral, as empresas, para se tornarem mais competitivas, buscam através da área de Compras alternativas para a redução do custo, o que gera automaticamente o aumento da demanda de compradores mais preparados e com perfis estratégicos para a realização de sua negociação. O perfil do novo profissional de compras é aquele que aplica em seu processo, uma maneira estratégica de gerir suas contratações através de oportunidades que agreguem volume e valor ao processo.

CostDrivers – Que requisitos esse profissional precisa oferecer para preencher as exigências do mercado?

Paula Meneghin – Esse profissional deverá possuir habilidades para análise de dados, expertise para elaborar indicadores de desempenho consistentes, gerir relatórios periódicos para melhoria contínua, buscar a redução da base de fornecedores, possuir um bom relacionamento interpessoal, ser treinado em Gerenciamento de projetos, buscar a padronização processos, buscar constantes benchmarkings e sempre aplicar as melhores e mais consistentes praticas aprendidas. Outro ponto superimportante é estar sempre antenado às tendências econômicas do mercado, tanto em relação a oportunidades fiscais como na variação de moedas e índices contratuais que possam impactar no resultado de suas contratações como também garantir que os principais parceiros possuam uma situação financeira saudável e com capacidade técnica e comercial para gerir o negócio.

CostDrivers – O domínio de novas ferramentas certamente deve contribuir para isso…

Paula Meneghin – … além daquelas habilidades, o comprador estratégico pode e deve utilizar ferramentas como 7 Steps, Análise SWOT e 5 Forças de Porter que com certeza o ajudarão em casos de contratações mais complexas. Com base em todas essas informações o comprador trabalhará em um ambiente favorável para efetivar negociações que agregarão valor em qualquer tipo de contratação.

Fique por dentro das novidades

Receba nosso conteúdo exclusivo por e-mail

Contato

Endereço: Av. Brigadeiro Faria Lima, 1993, São Paulo, Brasil

Telefone: +55 011 2162-1790

Email: info@costdrivers.com

Copyright 2019 – COSTDRIVERS – Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Intelligenzia​